29 de janeiro de 2010

As Pupilas Alheias

Tantos mistérios
Estão abrigados
Nas pupilas alheias:

O que desejam me dizer?

Prefiro um verso em branco
Que esse incômodo
Profundo.

Nenhum comentário: